História Polo Giosi

Breve história do Polo Giosi Guella

 Antecedentes

Pólo de Economia de Comunhão

2000

Um grupo de empresários e de amigos da Cidadela adquirem um terreno adjacente à Cidadela, com o objetivo alargar a Cidadela e aí construir um Polo empresarial para dar visibilidade à EdC.

2004

Este grupo de empresários reúne-se e apresenta o primeiro plano de construção do Polo empresarial.

O primeiro projeto

2005
Integrado no espírito do Projeto de Economia de Comunhão, a Cidadela Arco-íris abriu em Setembro de 2005 um Centro de Recursos e Reabilitação Física, no rés-do-chão do edifício.

Foi financiado durante 2 anos pela Segurança Social e Ministério da Saúde com o Programa de Apoio Integrado a Idosos e/ou dependentes (PAII) tendo prestado apoio a mais de 200 pessoas desta região.

O projeto permitiu a criação de uma infraestrutura que contribui para o desenvolvimento da região e que aproxima a Cidadela dos restantes parceiros da “Rede Social” do concelho de Alenquer.

2006

Polo Lionello (Loppiano, Itália) – Primeiro Polo empresarial de Economia de Comunhão da Europa, inaugurado em 2006. O primeiro a ser inaugurado foi o Polo Spartaco, no Brasil, em 1998.

2007
Têm início as várias valências médicas no Centro de Recursos, desde a medicina tradicional às medicinas alternativas, grupos de dança, ginástica de manutenção e ballet clássico.

Nascem outras empresas e projetos

2008
A primeira empresa EdC a estar sedeada no Polo é a ECNAL Consultores Associados Lda., que tem como objetivo incentivar a cultura da “partilha dos bens”, para que seja um valor que informe, cada vez mais, o mundo económico e empresarial. Tenta estabelecer com os seus clientes relacionamentos personalizados tendo como base a sua missão e os seus valores.

2009
Dá-se inicio à montagem de escritórios para empresas e uma sala de conferências/formação, no 1º piso do Polo.

2010
Completam-se os acessos ao Polo e as estradas são asfaltadas. São criadas e instaladas no Polo duas novas empresas de EdC: SAGEC-18-20 e REDCAP. Programa-se a inauguração do Polo empresarial para 6 de Novembro.

2015
A AMU – Cooperação e Solidariedade Lusófona por um Mundo Unido, da início ao projeto RAISE (Resposta Alternativa de Integração Social e Empreendedorismo), dirigido a desempregados no conselho de Alenquer.

2016
No contesto da rede internacional de incubação de empresas de Economia de Comunhão (EoC-IIN), nasce la Incubadora Paulo Melo, ao serviço dos empreendedores portugueses. O projeto embora de caráter nacional tem sede no Polo Giosi Guella, é apoiado pela comunidade internacional de Economia de Comunhão e  pela AEdC.

2017 AEDC Todos os Direitos Reservados - Desenvolvimento: Site Evolution